terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

O casamento gay destruiu o casamento heterossexual na Escandinávia?

Debate-se muito nos países civilizados sobre os possíveis efeitos do reconhecimento do casamento e das uniões/parcerias civis entre pessoas do mesmo sexo sobre a instituição tradicional que é o casamento heterossexual. Críticos, como o psicólogo James Dobson, alertam para o fato de a extensão aos gays do direito ao casamento atestar o fim da instituição do casamento. Será mesmo que a aprovação do casamento ou da união civil gay seria tão ameaçadora assim? Será que o casamento perderia o seu valor para os heterossexuais a partir do momento em que os gays tivessem a possibilidade de se casar?

A economista M.V. Lee Badgett, autora do livro “When Gay People Get Married, What Happens When Societies Legalize Same-Sex Marriage”, responde a estas perguntas analisando as mudanças ocorridas nos países que pioneiramente permitiram o casamento e/ou união entre pessoas do mesmo sexo. Para ela, a crença de que, ao se estender o casamento aos casais gays, haveria uma fuga matrimonial em massa pelos heterossexuais é equivocada.

De fato, os números mostram que o casamento heterossexual continua bastante vigoroso na Escandinávia, onde os casais do mesmo sexo têm direitos há mais tempo. Na Dinamarca, por exemplo, a taxa de casamentos tem declinado por meio século mas voltou a subir no início dos anos de 1980. Após a aprovação da lei de parceria registrada em 1989, a taxa de casamentos continuou subindo.

As taxas dinamarquesas de casamento heterossexual estão agora no mais alto patamar desde os anos 70. E as mais recentes taxas de casamento na Suécia, Noruega e Islândia são, todas elas, mais elevadas do que as taxas anteriores à aprovação das leis reconhecendo a parceria entre pessoas do mesmo sexo. Além disso, em 1990, as taxas de divórcio na Escandinávia permaneceram praticamente inalteradas.

Veja uma entrevista com a autora sobre o assunto (em inglês): http://lezgetreal.com/?p=21825

3 comentários:

  1. conheci o blog hoje, tb faço parte dos blogs pela democracia (www.3katherines.blogspot.com)> Gostei especialmente da parte relativa a repressã em Cuba, pois colaboro com:
    www.desdecuba.com/generaciony_pt
    www.octavocercopt.blogspot.com e com o
    www.voztraslasrejaspt.blogspot.com.

    parabéns

    humberto sisley

    ResponderExcluir
  2. Olá muito obrigado pelo apoio!
    Talvez possamos manter contato, pois o nosso correspondente em Cuba, Aliomar Janjaque, voltou para a cadeia, e o movimento LGBT não tem o mínimo interesse em condenar essas atrocidades!

    ResponderExcluir
  3. *OFF TOPIC*

    Para quem concorda e ainda não teve oportundade de assinar o Manifesto pela chapa-pura Serra-Aécio, fica aqui o convite:

    http://www.serra-aecio.com.br

    Caso já tenha assinado, pode divulgar a todos os seus contatos também!
    Abçs!

    ResponderExcluir